O Sars-CoV-2 sobrevive até nove horas na pele | TVMACEIO.com Televisão via Internet

O novo coronavírus pode permanecer na pele humana durante muito mais tempo do que os vírus da gripe, de acordo com um novo estudo.   Uma nova investigação, conduzida por cientistas da Universidade Distrital de Medicina ...

covid-19, corona, virús, pandemia, epidemia, contágio, mortes, china, wuhan, oms, notícias, infectologistas

O Sars-CoV-2 sobrevive até nove horas na pele

Publicado por: Editor
13/10/2020 05:39 PM

O novo coronavírus pode permanecer na pele humana durante muito mais tempo do que os vírus da gripe, de acordo com um novo estudo.

 

Uma nova investigação, conduzida por cientistas da Universidade Distrital de Medicina de Kyoto, no Japão. o novo coronavírus (Sars-CoV-2) permanece ativo na pele durante mais tempo do que se pensava. Ao contrário de estimativas do início da pandemia, o vírus pode permanecer ativo na pele durante nove horas.

 

Live Science explica que as primeiras investigações apontavam para uma duração de até quatro horas em superfícies de cobre, 24 horas em papel e 72 horas em aço inoxidável. A duração na pele humana não era possível ser determinada por razões éticas.

 

Agora, a equipe da universidade japonesa criou um modelo de pele artificial utilizando amostras de cadáveres, vindas de autópsias. De acordo com o artigo científico, publicado no dia 3 de outubro na Clinical Infectious Diseases, o novo coronavírus sobreviveu durante 9,02 horas. Em jeito de comparação, o vírus IAV (Influenzavírus A, um tipo mais forte de gripe) sobrevive na pele durante cerca de duas horas.

 

As experiências revelaram ainda que quando o novo coronavírus se misturava com secreções mucosas – como tossir na palma das mãos, por exemplo -, o número aumentou para mais de 11 horas.

 

Este estudo mostra que “o Sars-CoV-2 pode trazer um risco bem mais alto de transmissão por contacto direto do que o IAV por ser muito mais estável sobre a pele humana”, explicam os autores do estudo. “Estas conclusões apoiam a hipótese de que a higiene das mãos é muito importante na prevenção e disseminação do Sars-CoV-2”.

 

O Live Science escreve ainda que tanto o Sars-CoV-2, como o Influenzavirus A foram totalmente neutralizados após o uso de álcool em gel com, pelo menos, 80% de etanol. Após a aplicação do líquido, o novo coronavírus “morreu” em cerca de 15 segundos.

 

Fonte: Planeta ZAP //

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários