Nova descoberta para tratamento da diabetes regenera as células | TVMACEIO.com The Mobile Television Network

Uma possível forma de tratar a diabetes é reparar ou substituir as células do corpo que produzem naturalmente insulina.   Investigadores suecos identificaram agora uma molécula que ajuda a estimular o crescimento de novas células produtoras de insulin...

saúde, medicina, hospital, prevenção, diabetes2, labirintite, tonturas, parknson, alzheimer

Nova descoberta para tratamento da diabetes regenera as células

Publicado por: Editor
20/11/2022 10:39 AM
Cortesia Editorial Pexels/iStock
Cortesia Editorial Pexels/iStock

Uma possível forma de tratar a diabetes é reparar ou substituir as células do corpo que produzem naturalmente insulina.

 

Investigadores suecos identificaram agora uma molécula que ajuda a estimular o crescimento de novas células produtoras de insulina, e descobriram como funciona, abrindo a possibilidade de novos tratamentos para a diabetes.

 

A diabetes é caracterizada por problemas com insulina, a hormona que regula os níveis de glicose no sangue e permite que as células do corpo tenham acesso a ela através de energia.

 

Na diabetes tipo 1, as células beta do pâncreas, que normalmente produzem insulina, não conseguem produzir o suficiente para satisfazer as necessidades do organismo — muitas vezes porque foram destruídas pelo sistema imunitário.

 

Ler Também:
Descoberta molécula que pode identificar o desenvolvimento da diabetes
Comprimidos de insulina podem substituir injeções no tratamento da diabetes


O único tratamento eficaz, atualmente, depende da administração periódica de injeções de insulina para manter os seus níveis normais no organismo.

 

Um novo estudo, publicado a 13 de junho na Nature Chemical Biology (1), procura agora formas de repor a produção de insulina dessas células beta.

 

Os avanços anteriores incluíram a criação de células beta artificiais, capazes de preencher a sua falta, ou a utilização de células estaminais para cultivar novas células.

 

No novo estudo, pesquisadores do Instituto Karolinska, na Suécia, examinaram uma pequena molécula que pode ajudar a regenerar as células beta.

 

A molécula, chamada CID661578, foi identificada em pesquisas anteriores, mas ainda não tinha sido descoberta a forma como atuava, explica a New Atlas (2).


Para descobrir, a equipa examinou as suas interações moleculares em células de levedura, e descobriu que se liga a uma proteína chamada MNK2.

 

Ao fazê-lo, permite que duas outras proteínas interajam a níveis mais elevados, o que acaba por levar a uma maior regeneração das células beta.

 

A equipe testou a sua molécula, e descobriu que esta baixava os níveis de glucose no sangue quando comparada com um grupo de controle.

 

Nas células do pâncreas de porco cultivadas em laboratório, a molécula demonstrou desencadear a formação de novas células beta, enquanto os organóides do pâncreas humano, com a molécula, produziam mais insulina.

 

“Os nossos resultados indicam um novo alvo potencial para o tratamento da diabetes, na medida em que demonstramos uma forma possível de estimular a formação de novas células produtoras de insulina”, explica Olov Andersson, autor do estudo.

 

“Vamos agora estudar o efeito desta e de moléculas semelhantes em tecido humano e analisar a proteína-alvo da molécula, MNK2, em tecido de dadores saudáveis e dadores com diabetes”, conclui Andersson.

 

Por Alice Carqueja, publicado por Planeta ZAP 


(1) https://www.nature.com/articles/s41589-022-01047-x

(2) https://newatlas.com/medical/diabetes-treatment-regenerates-insulin-cells/

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários